EBSERH: trabalhadores de Brasília propõem indicativo de greve para agosto

EBSERH: trabalhadores de Brasília propõem indicativo de greve para agosto

Em assembleias realizadas na terça-feira (09), os empregados públicos da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – EBSERH, lotados no Hospital Universitário de Brasília (HUB) e na sede, aprovaram indicativo de greve para 12 ou 19 de agosto, caso as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2019/2020 não prosperem satisfatoriamente. A proposta deve ser discutida nacionalmente no âmbito da Fenadsef, com os demais sindicatos representativos dos trabalhadores nos Estados. Neste sentido, o Sindsep-DF já encaminhou à federação ofício informando a decisão da categoria.

Os trabalhadores também aprovaram o ajuizamento de ação pelo descumprimento de itens do ACT 2018/2019, tendo em vista que a sua validade foi prorrogada até o dia 31 de agosto. Assim, o Sindsep-DF entrará como substituto processual nos próximos dias reclamando o descumprimento da cláusula que garante dois dias de abono anuais, visto que já existe documento comprovando o descumprimento.

No que se refere ao acompanhamento de parente para consulta médica e a manutenção da escala de trabalho, queixas principais dos empregados lotados no HUB, o sindicato ainda está reunindo documentos que comprovem o descumprimento por parte da empresa.

Para manter a mobilização e o acompanhamento das negociações do ACT 2019/2020, os empregados decidiram ainda realizar assembleias todas às terças-feiras, às 10h no HUB e às 11h na sede.

Assembleia dos trabalhadores da EBSERH lotados no HUB
Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *