Ato em apoio à Greve Nacional da Educação

Ato em apoio à Greve Nacional da Educação

O Sindsep-DF convida a todos para o grande ato contra a reforma da previdência e os cortes na educação

Quarta-feira – 15 de maio de 2019
Concentração:
10h – Museu Nacional da República

 

Cortes na educação chegam a R$ 7,98 bilhões

Em quatro meses de governo, Bolsonaro já promoveu um corte de R$7,98 bilhões em verbas da educação. Embora o Ministério da Educação (MEC) não informe as áreas afetadas pele medida, um levantamento da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições de Ensino Superior (Andifes) mostra que R$2,4 bilhões foram bloqueados em programas do ensino infantil ao ensino médio. Recursos destinados aos ensinos técnico e a distância também foram cortados.

A falta desses recursos compromete não apenas a construção de novas escolas e creches, como a aquisição de livros didáticos; aquisição e manutenção de veículos para o transporte escolar; além da própria alfabetização de crianças, jovens e adultos. “A política de desmonte dos serviços públicos, especialmente na área da educação comprometerá o futuro de milhares de brasileiros. É inadmissível que fiquemos calados vendo esse governo promover um ataque brutal à educação pública”, afirma Oton Pereira Neves, secretário-geral do Sindsep-DF.

As universidades federais também sofreram uma redução de 30% do seu orçamento, cerca de R$2,2 bilhões. O corte afeta a manutenção das instituições, o custeio de terceirizados e o desenvolvimento de pesquisas e atividades de extensão. A Capes – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – que perdeu R$ 819 milhões, anunciou a suspensão da concessão de bolsas de mestrado e doutorado. O valor mensal da bolsa por estudante é de R$ 1,5 mil no mestrado e R$ 2,2 mil no doutorado. O Brasil está entre os 15 países com maior número de estudos científicos no mundo, e 95% das pesquisas são realizadas em universidades públicas.

 

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *